Vereador Eduardo Alfaia cobra posicionamento do IMMU sobre viaduto do Manoa

Vereador Eduardo Alfaia cobra posicionamento do IMMU sobre viaduto do Manoa

O parlamentar expressou em plenário sua indignação contra a negligência do órgão

Por Társis Luz

O vereador Eduardo Alfaia (PMM) se manifestou publicamente em plenário, nesta terça-
feira (27/04), contra a falta de posicionamento do Instituto Municipal de Mobilidade Urbana
(IMMU) sobre a questão do Viaduto do Manoa. Eduardo afirma que os representantes do
órgão estão a pelo menos cinco meses sem retornar as tentativas de contato e documentos protocolados. “Eu vejo que essa é uma reclamação constante, não somente minha, mas de outros colegas parlamentares que também vêm sendo ignorados por aqueles que representam legalmente o Instituto. Essa atitude demostra um desrespeito não apenas para com um único vereador, mas para com toda a Câmara Municipal de Manaus”, explanou Alfaia.
Eduardo Alfaia ainda declarou que esteve em visita ao órgão em janeiro de 2021, juntamente com os outros vereadores do partido Kennedy Marques e Rosinaldo Bual,
solicitando explicações sobre a normalização da frota de ônibus, entre outros temas
relacionados ao transporte público. “Exigimos que a governança do órgão tenha consideração, não podemos aceitar essa falta de sensibilidade em sequer responder o
ofício emitido por nós, da bancada do PMM”, expressou Eduardo.

Obras Irregulares
As obras no complexo viário Professora Isabel Victória, na avenida Max Teixeira, se iniciaram na gestão do ex-prefeito Arthur Vigílio Neto e foram entregues antes de serem finalizadas, em dezembro de 2020. A pedido do atual prefeito David Almeida (Avante), o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Amazonas (Crea-AM) emitiu um laudo técnico informando as inúmeras falhas na execução no projeto de construção do viaduto.
Por essa razão, Eduardo Alfaia esteve na última quinta-feira (22/04) no Complexo Viário,
acompanhando a visita em conjunto realizada pelo prefeito e o vice, Marco Rotta, além de outros colegas vereadores. Na ocasião, Alfaia evidenciou o descaso com a população,
haja vista a grande utilidade da obra, pois agilizaria o trafego de automóveis para moradores e trabalhadores da zona norte da cidade. “Viemos analisar in loco a situação da infraestrutura. Sabemos o transtorno causado pela paralisação da obra, pois este é
uma das principais vias de acesso a Zona Norte, entretanto, não há condições seguras de
trânsito para os cidadãos. Essa herança deixada pelo o ex-prefeito é revoltante, pois
sabemos a quantidade de dinheiro exorbitante que saiu dos cofres públicos e não foi
entregue um trabalho minimamente satisfatório”, declarou Alfaia.
A prefeitura tem proposto readequações nas obras do Viaduto do Manoa, desta vez
obedecendo o parecer técnico do CREA-AM, sendo parte de um conjunto de medidas
determinadas pelo prefeito David Almeida, de modo que esta a entrega definitiva seja feita
o mais rápido possível, atendendo a necessidade do moradores de Manaus.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here