Amazonas lança Consulta Pública sobre novo Currículo para o Ensino Médio

Amazonas lança Consulta Pública sobre novo Currículo para o Ensino Médio

Professores, gestores, técnicos, estudantes de licenciatura, sociedade civil, e demais profissionais da educação podem participar da Consulta Pública da Versão Preliminar do Currículo Amazonense – Etapa Ensino Médio, que inicia nesta terça-feira (15/09). O documento tem por objetivo possibilitar a contribuição da sociedade civil e comunidade escolar na construção coletiva do Currículo Amazonense – Ensino Médio, permitindo que este atenda às expectativas e às necessidades da região Norte, considerando as especificidades que permeiam a população amazônida.

Para acessar o documento, conhecer em linhas gerais a que se refere e enviar as suas contribuições, basta acessar o site https://pt.surveymonkey.com/r/consultapublica-seduc e clicar no banner Consulta Pública Currículo Amazonense Ensino Médio. O prazo para consulta vai até o dia 15 de outubro. Todos os professores e demais interessados podem participar.

A Consulta Pública garante uma maior participação da comunidade escolar no processo. Ao finalizar o prazo, a equipe da pasta irá consolidar o material e encaminhá-lo ao Conselho Estadual de Educação (CEE), que será o responsável pela provação.

A coordenadora estadual da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) no Amazonas, Karol Benfica, comenta sobre a importância da participação da sociedade no novo currículo, que vem sendo construído coletivamente desde março de 2019, fundamentado na BNCC. “Aguardamos as contribuições de todos, pois, estas serão incluídas no documento, no intuito de torná-lo a nossa identidade amazonense”, disse.

Áreas de conhecimento – A Versão Preliminar do Currículo Amazonense para o Ensino Médio foi elaborada por uma equipe de redatores nas áreas de Conhecimento: Linguagens, Matemática, Ciências Humanas e Sociais Aplicadas e Ciências da Natureza, que teve a preocupação de trazer um texto introdutório com todas as partes que compõem o documento, contemplando pontos importantes para a leitura, reflexão e contribuição da sociedade civil.

Além disso, incluiu os organizadores curriculares, apresentando as unidades temáticas, os objetos de conhecimento, as competências e as habilidades que perpassam as Áreas de Conhecimento e/ou os componentes curriculares.

FOTO: Michell Mello/Secom

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here